Ouça a nossa programação

- - - - - - - - - - Twitter - - - - - - Instagram - - - - - - WebTv - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Rapidinhas... Os acontecimentos no Brasil e no Mundo.

O acordo da Petrobras

A estatal Petrobras fechou nesta quarta-feira um acordo com acionistas americanos para encerrar uma ação judicial coletiva, aberta em dezembro de 2014, após os investidores tomarem conhecimento de que diretores da companhia estavam envolvidos em esquemas de pagamento de propinas. Pelo prejuízo gerado com a perda de valor das ações, a petroleira vai precisar pagar 2,95 bilhões de dólares — um dos mais caros acordos já fechados na história dos Estados Unidos. Em comunicado oficial, a Petrobras informou que esse tipo de acordo é a melhor saída para a empresa, para evitar passar por um júri popular e pelas peculiaridades da legislação e do mercado de capitais americano.

Embraer e Boeing: a saga continua

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, voltou a apoiar uma parceria entre a fabricante de aeronaves americana Boeing e a brasileira Embraer. "É possível fazer uma parceria ou promoção comercial também na área militar, desde que seja resguardado o sigilo, caso a caso. Só não faremos alienação, venda ou transferência do controle", disse o ministro ao jornal O Globo. O governo tem uma golden share, classe especial de ações que permite o veto em assuntos estratégicas. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo o modelo de atuação ainda não está definido, mas uma joint venture, tipo de parceria que permite a colaboração em um projeto específico, está descartada, com as partes indo atrás de uma negociação "mais complexa". As ações da Embraer tiveram a maior alta do dia no Ibovespa, 3,9%.

Nova ministra

O presidente Michel Temer decidiu que a nova ministra do Trabalho será a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ). Ela é filha de Roberto Jefferson, delator e condenado no esquema do mensalão. Jefferson chegou a chorar ao dizer que a nomeação de sua filha é um "resgate" de sua imagem após o escândalo. De acordo com o ex-deputado, Temer consultou o líder do PTB na Câmara dos Deputados, Jovair Arantes (GO), que consentiu na escolha. Cristiane ocupará o lugar do deputado federal Ronaldo Nogueira (PTB-RS), que pediu demissão no dia 27 para se dedicar à campanha eleitoral de 2018.

Ministro fora

No dia que conseguiu recompor seu time, o governo Temer teve nova baixa. O ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira (PRB), pediu demissão nesta quarta-feira, também para disputar as eleições. Em carta entregue no Palácio do Planalto, Pereira ressalta seus feitos à frente da pasta e garante que "eu e o meu partido [sic], o PRB, apoiamos as reformas e continuaremos apoiando tudo aquilo que for bom para o país". O ex-ministro diz ainda que a "história" reconhecerá os feitos do governo e a "popularidade não quer dizer absolutamente nada". Ele é o quarto ministro a deixar a Esplanada desde novembro.

Greve no RN

Apesar da determinação da Justiça, que autoriza a prisão de grevistas, os policiais civis do Rio Grande do Norte não se apresentaram nesta quarta-feira ao trabalho, alegando falta de recursos estruturais e de dinheiro para trabalhar, pois estão sem o salário de novembro e de dezembro e sem 13º do ano passado. Decisão do desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Cláudio Santos, prevê pena de multa e prisão com a manutenção da greve iniciada no dia 19 de dezembro. "Os policiais do Rio Grande do Norte estão com a dignidade afetada. Os policiais não conseguem cumprir a decisão judicial. Que o Estado nos prenda", declarou o presidente do Sindicato dos Policiais Civis, Nilton Arruda.

Spotify prepara IPO secretamente

A plataforma de músicas Spotify teria iniciado, secretamente, sua oferta pública inicial de ações (IPO, em inglês). Segundo informações do site de notícias Axios, o serviço de streaming iniciou o processo no fim de dezembro e planejava abrir as ações ainda no primeiro trimestre deste ano. A abertura em segredo é uma tática utilizada por empresas que desejam testar o interesse de investidores antes de colocar suas ações no mercado. A ação, que era permitida somente para empresas com valor inferior a 1 bilhão de dólares, foi autorizada para qualquer empresa pelo governo dos Estados Unidos em junho do ano passado. A plataforma não se pronunciou sobre a ação.

Protestos se agravam no Irã

A Guarda Revolucionária iraniana comunicou que três membros da força de inteligência foram mortos em confrontos no país nesta quarta-feira. Segundo o comunicado, os agentes teriam sido mortos durante confronto com "elementos antirrevolucionários". O comunicado, porém, não detalhou se as mortes estão relacionadas aos protestos contra o governo. As manifestações já causaram mais de 20 vítimas fatais, e as tensões do país com a comunidade internacional estão aumentando. Em seu Twitter, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que apoia as manifestações populares e que seu país é contra o regime brutal e corrupto do Irã. Trump ainda criticou as medidas do ex-presidente Barack Obama em tentar manter relações diplomáticas com o governo iraniano, afirmando que elas só teriam contribuído para o terrorismo na região.

Coreia do Norte reabre linha de comunicação com Coreia do Sul

O governo da Coreia do Norte reabriu, nesta quarta-feira, uma linha de comunicação com a Coreia do Sul. O Ministério de Unificação da Coreia do Sul afirmou, nesta manhã, que recebeu uma ligação da Coreia do Norte pela linha que se localiza no vilarejo de trégua de Panmunjom. A conversa durou cerca de 20 minutos, e seu conteúdo não foi revelado. A reabertura da linha ocorre um dia após o anúncio de uma rodada de negociações sobre a participação de atletas norte-coreanos nas Olimpíadas de Inverno, marcadas para fevereiro na Coreia do Sul. Além da retomada do diálogo entre as Coreias, a decisão veio com a nova resposta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre o poder bélico de seu país. Trump afirmou que também terá um botão nuclear em sua mesa, em resposta à mesma ameaça que o ditador norte-coreano, Kim Jong-un, fez na segunda-feira. A linha estava interrompida desde 2016 como uma retaliação ao fechamento de uma fábrica que era operada pelas duas Coreias.

DigitalRadioTv & Voz da Comunidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário